Florais de Bach para Tratamento da Ansiedade/Compulsão Alimentar

Evidencias Científicas

  • MOZART BARBOSA Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde
Palavras-chave: Terapia Floral. Comprovações. Eficácia terapêutica.

Resumo

O presente trabalho teve como objetivo a indicação de Florais de Bach para o tratamento da ansiedade/compulsão alimentar, por meio de evidências científicas. A pesquisa foi por meio de uma revisão de literatura a partir de livros técnicos impressos, dissertações, teses, artigos científicos e de opinião, apostilas digitais, resoluções e CD-ROM, selecionados em diversas bases de dados como o Google, Google Acadêmico, Pubmed, Medline, SciELO e revistas eletrônicas de saúde.   Para o estudo foi aplicado os seguintes descritores: essências florais de Bach, ansiedade, compulsão alimentar, sobrepeso, obesidade. A pesquisa eletrônica foi baseada em estudos publicados sem limite de ano de publicação. A Terapia Floral foi incluída pelo SUS e posteriormente pelo CFN como uma das práticas integrativas e complementares. Apesar desta inclusão, poucos são os trabalhos científicos que evidenciam a eficácia desta terapia, sendo o sistema de Bach, o que mais possuem pesquisas, principalmente por meio de trabalhos de dissertação e teses. Sendo assim conclui-se que as pesquisas científicas e consequentemente as suas comprovações são fundamentais para que haja uma credibilidade e aceitação por parte dos profissionais de saúde, e desta forma os mesmos passem a se capacitarem na área e consequentemente prescreverem os florais nas suas práticas clínicas.

Referências

AMERICAN PSYCHIATRIC ASSOCIATION. DIAGNOSTIC AND STATISTICAL. Manual of Mental Disorders (DSM-5®) 5 ed. Arlington; 2013.(impresso)

ARMSTRONG Nicola C, EDZARD, Ernst. A randomized, double-blind, placebo-controlled trial of a Bach Flower Remedy. Complement Ther Nurs Midwifery. V.7, n. 4, 2001.

BACH, Edward. A terapia floral: escritos selecionados de Edward Bach. 11. ed. Sao Paulo: Ground; 2014. (impresso)

BLOC, Lucas Guimarães et al. Transtorno de compulsão alimentar: revisão sistemática da literatura Revista Psicologia da Saúde. v.11 n.1 Campo Grande, 2019.

CFN-CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS (CFN). Resolução CFN nº 679, de 19 de janeiro de 2021.
DOMINGOS, Thiago da Silva. Saúde Mental na Atenção Básica: agregando aromaterapia e terapia floral à relação terapêutica. Tese (Faculdade de Medicina, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Campus de Botucatu), Doutorado em Enfermagem. Botucatu-SP, 2019, 214p.

FUSCO, Suzimar de Fátima Benato. Efetividade da terapia floral na ansiedade de adultos com sobrepeso ou obesidade: ensaio clínico randomizado e controlado. Tese (Doutorado em Enfermagem) - Faculdade de Medicina, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Botucatu, p. 78. 2018.

HALBERSTEIN, Robert et al. Healing with Bach Flower Essences: testing a complementary therapy. Complement Health Pract Rev.v.1, n.12, p.3-14, 2007.

KESSLER, Ronald C, WANG Philip S. The descriptive epidemiology of commonly occurring mental disorders in the United States. Annu Rev Public Health. v. 29, p.115-129, 2008.

KISHI, Margarete Akemi. Quem tem medo de florais? Entrevista concedida a Aloísio Brandão. Pharmacia Brasileira, Jan./Fev. 2007.

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no SUS. (sd.).

NOSOW, sheila katia cozin. Efeito das pastilhas de silício secas e embebidas em florais de Bach, em pontos da auriculoterapia chinesa, sobre a qualidade do sono. Tese (Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas) Doutorado em Ciências da Saúde, 77p. Campinas-SP, 2018.

PACHECO, Renar Francioni; AMARAL, Patrícia de Aguiar. Percepção do profissional de saúde no uso de florais como alternativa complementar de tratamento terapêutico. Brazilian Journal of Health Review, Curitiba, v.4, n.2, p. 6152-6172 mar. 2021.

PANCIERI, Ana Paula. Terapia floral: significado da participação em pesquisa clínica para ansiosos com sobrepeso ou obesidade. Dissertação (Faculdade de Medicina, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Campus de Botucatu), Mestrado em Enfermagem.Botucatu-SP,2018 a, 60p.

SALLES, Léia Fortes; SILVA Maria Júlia Paes da. Efeito das essências florais em indivíduos ansiosos. Acta Paulista de Enfermagem. v.25, n.2, 2012.

SANTOS, Ana Maria Azevedo dos. Terapias Florais Diversas Brasília-DF: Unyleya (apostila digital) curso de especialização em Terapia Floral, 152p. sd.

TAVARES, Allan Rafael dos Santos; MADURO, Isolda Prado de Negreiros Nogueira. Estudo placebo-controlado para a avaliação de emagrecimento e compulsão alimentar com fórmula comercialmente disponível de florais de Bach. Revista de ciências da saúde da Amazônia. v. 2, n.1, 2015.
Publicado
30-06-2022
Como Citar
BARBOSA, M. (2022). Florais de Bach para Tratamento da Ansiedade/Compulsão Alimentar. Educação Sem Distância - Revista Eletrônica Da Faculdade Unyleya, 1(5). Recuperado de https://educacaosemdistancia.unyleya.edu.br/esd/article/view/128
Seção
Práticas profissionais: Saúde