I have a dream: é no sonho das crianças que se constrói a educação popular.

  • Juliana Santos de Santana UnyLeya
  • Ana Maria da Silva de Jesus Universidade Federal da Bahia
Palavras-chave: Educação Popular. Paulo Freire. Educação Infantil.

Resumo

O presente trabalho tem como proposta discutir, a partir da obra Pedagogia do Oprimido do Patrono da Educação, Paulo Freire (1983), o lugar da educação infantil popular a partir da reestruturação dos espaços formais de educação, apontando também os espaços não-formais de práticas educativas que constituem o escopo educacional de comunidades e favelas. As escolas massificadas, retiram do professor a capacidade de ser pensante, compram sistemas educacionais prontos, mercantilizam a educação, logo, a metodologia de Freire é libertadora ao ponto de devolver e potencializar a sede por (r)evolução. Este artigo expõe a realidade brasileira e os efeitos problemáticos que educadores, educandos e a sociedade comungam. Contribui também, significativamente, com a noção e grau de importância do diálogo dentro do ambiente de aprendizagem. Visto que, quanto mais interdisciplinar e subjetivo é o ensino, mais democrática é a educação. Através de uma curadoria envolvendo conteúdo artístico, áudio-visual, e outros autores, essa revisão bibliográfica visa apontar como as contribuições freireanas são importantíssimas na construção de práticas educacionais equânimes, que promovem a reflexão e o despertar dos indivíduos dentro da relação opressor-oprimido.

Referências

BRANDÃO, Carlos Rodrigues; FAGUNDES, Mário César Vitória. Cultura popular e educação popular: expressões da proposta freireana para um sistema de educação. 2016. Disponível em: https://www.scielo.br/j/er/a/KmYHVqgFMPBfJTjXsRjFFvc/?lang=pt# Acesso em: 8 out. 2021.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2018.

FERNANDINHO; GUARÁ. Problema Social. Álbum Ana & Jorge - Ao Vivo, 2005.

FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa. Editora Positivo, 5° edição, 2010.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. Paz e Terra, 17° edição, 23° Reimpressão, Rio de Janeiro, 1983.

KHAN, Amir; GUPTE, Amole. Taare Zameen Par (Como Estrelas na Terra). Indía, dez. 2007.

LOVATO, Antônio Sagrado. Quando eu sinto que já sei. 2014. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=HX6P6P3x1Qg Acesso em 8 out. 2021.

MACHADO, Ana Maria Batista; SILVA, Andrêsa Melo; TOLENTINO, Graziela Mônica Pereira. Paulo Freire e a Educação Popular na história do Serviço Social brasileiro (1980-2010). 2018. Disponível em: https://www.scielo.br/j/sssoc/a/64sQhQzqsnnwBh5zRntwwxp/?lang=pt Acesso em 8 out. 2021.

PADILHA, Paulo Roberto. Pensadores na Educação: Paulo Freire e a educação para mudar o mundo. 2018. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=4M69rga5ENo Acesso em 4 out. 2021.

PINO, Angel. A criança e seu meio: contribuição de Vigotski ao desenvolvimento da criança e à sua educação. 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/j/pusp/a/rn7G9MgGqBsMsMZd3h9xWjJ/?lang=pt# Acesso em 4 out. 2021.

PRESTES, Carina da Silva; RODRIGUES, Ana Cristina da S. Aproximando Freire da educação infantil. FACCAT, 2018. Disponível em: https://www2.faccat.br/portal/sites/default/files/prestes_rodrigues.pdf Acesso em: 28 set. 2021.

TEIXEIRA, Jéssica S. S.; VIEIRA, Roberto Carlos. Candomblé e Educação não-formal: a dinâmica da formação litúrgica em ambientes sagrados, a partir da contribuição da mulher negra, para reafirmação da identidade negra. ANAIS – 21ª SEMOC, Salvador, p.1475-93, out. 2018. Disponível em: http://ri.ucsal.br:8080/jspui/bitstream/prefix/1163/1/Candombl%C3%A9%20e%20educa%C3%A7%C3%A3o%20n%C3%A3o%20formal.pdf Acesso em: 23 set. 2021.

WEIR, Peter. Sociedade dos Poetas Mortos. Walt Disney Studios, dez. 1989.

Publicado
22-12-2021
Como Citar
Santos de Santana, J., & da Silva de Jesus, A. M. (2021). I have a dream: é no sonho das crianças que se constrói a educação popular. Educação Sem Distância - Revista Eletrônica Da Faculdade Unyleya, 1(4). Recuperado de https://educacaosemdistancia.unyleya.edu.br/esd/article/view/116
Seção
Artigos de pesquisa